segunda-feira, 2 de abril de 2012

Cremepe vai apurar caso das mulheres que ficaram cegas após cirurgia de catarata

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
04:44

A presidente do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco, Helena Carneiro Leão, infromou que o Cremepe vai abrir sindicância para apurar o caso das quatro mulheres queficaram cegas de um dos olhos após se submeterem a uma cirurgia de catarata no Instituto da Visão de Pernambuco, em Caruaru, no Agreste do Estado.
As pacientes tiveram uma grave infecção causada por uma bactéria, possivelmente a Pseudomonas. Elas foram transferidas de urgência para o Hospital de Olhos de Pernambuco, o HOPE, na última quarta-feira. Os médicos chegaram a solicitar córneas à Central de Transplantes de Pernambuco, mas a infecção era muito grave e, para evitar sua disseminação, foi retirada parte do conteúdo dos olhos operados das pacientes. As cirurgias no Instituto da Visão foram suspensas e o bloco cirúrgico foi interditado pela Vigilância Sanitária de Caruaru.

Quatro mulheres ficaram cegas de um dos olhos após se submeterem a cirurgias de catarata no Instituto da Visão de Pernambuco, em Caruaru, no Agreste do estado. A catarata é a principal causa de cegueira tratável. As pacientes tiveram uma grave infecção causada por uma bactéria, possivelmente a Pseudomonas.

Elas foram transferidas às pressas para o Hospital de Olhos de Pernambuco (Hope) na última quarta-feira. Os médicos chegaram a solicitar córneas à Central de Transplantes de Pernambuco, mas a infecção era muito grave e, para evitar sua disseminação, foi retirada parte do conteúdo dos olhos operados das pacientes. Duas receberam alta e duas permanecem internadas. As cirurgias no instituto foram suspensas na última quarta e o bloco foi interditado ontem pela Vigilância Sanitária do município.

Ao todo, sete pessoas passaram por cirurgia na última segunda-feira na unidade. Seis delas de catarata. Dessas, as três primeiras e a última tiveram infecção. As outras duas não apresentaram problemas. Foram colhidas amostras do humor vítreo (substância viscosa) dos olhos operados das pacientes. Exames estão sendo realizados nesses líquidos para confirmar qual foi a bactéria responsável pela contaminação, apesar de o ofício da Central de Transplantes já indicar que o agente causador foi a Pseudomonas. O único paciente não operado de catarata naquele dia passou por uma cirurgia de pterígio e não teve complicações.

Na terça-feira, foi realizada a primeira avaliação pós-operatória. Vinte e quatro horas após a cirurgia, as pacientes que tiveram infecção apresentaram vermelhidão (comum após operações desse tipo). Três delas também se queixaram de dor e uma de sensação de areia no olho. Na quarta-feira, a dor havia aumentado e o grau de inflamação estava acentuado, indicando uma infecção severa.

No mesmo dia, a direção do instituto suspendeu as cirurgias. Ontem, uma equipe da Vigilância Sanitária de Caruaru foi ao local. O órgão havia sido avisado do problema na última quinta, pela direção do instituto. Nada de anormal foi encontrado.

Fonte: Pernambuco.com/CREMEPE

Sobre o autor do Blog

Sérgio Ramos é Casado, pai, Radialista e Diácono evangélico, Militante do meio Radiofônico.Iniciou a profissão na Rádio cultura do nordeste S/A Caruaru - PE

Visualizações

Seguidores

FAÇA SUA DENUNCIA

FAÇA SUA DENUNCIA
Promotoria de Justiça – 3624-1956 Conselho Tutelar Surubim -3634-4656 S D S de Surubim – 3634-2710 Delegacia de Surubim – 3624-1974 Delegacia da Mulher – 3624-1983
back to top