terça-feira, 22 de julho de 2014

Cultura em Luto: Morre Ariano Suassuna

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
14:31

A Academia Brasileira de Letras está informando aos seus integrantes que morreu no Recife, aos 87 anos, Ariano Suassuna, conforme  antecipou em primeira mão o blog do Magno Martins. Informa ainda que em três semanas este é o terceiro acadêmico a falecer. Pela ordem, dia 3 Ivan Junqueira, sexta-feira passada João Ubaldo Ribeiro.

Ariano Vilar Suassuna nasceu em Nossa Senhora das Neves, hoje João Pessoa (PB), no dia 16 de junho de 1927, filho de Cássia Vilar e João Suassuna. No ano seguinte, seu pai deixa o governo da Paraíba e a família passa a morar no Sertão, na Fazenda Acauã, em Aparecida, Paraíba.

Com a Revolução de 1930, seu pai foi assassinado por motivos políticos no Rio de Janeiro e a família mudou-se para Taperoá, onde morou de 1933 a 1937. Nessa cidade, Ariano fez seus primeiros estudos e assistiu pela primeira vez a uma peça de mamulengos e a um desafio de viola, cujo caráter de “improvisação” seria uma das marcas registradas também da sua produção teatral.

A partir de 1942 passou a viver no Recife, onde terminou, em 1945, os estudos secundários no Ginásio Pernambucano, no Colégio Americano Batista e no Colégio Osvaldo Cruz. No ano seguinte iniciou a Faculdade de Direito, onde conheceu Hermilo Borba Filho. E, junto com ele, fundou o Teatro do Estudante de Pernambuco. Em 1947, escreveu sua primeira peça, Uma Mulher Vestida de Sol. Em 1948, sua peça Cantam as Harpas de Sião (ou O Desertor de Princesa) foi montada pelo Teatro do Estudante de Pernambuco. Os Homens de Barro foi montada no ano seguinte.

Em 1950, formou-se na Faculdade de Direito e recebeu o Prêmio Martins Pena pelo Auto de João da Cruz. Para curar-se de doença pulmonar, viu-se obrigado a mudar-se de novo para Taperoá. Lá escreveu e montou a peça Torturas de um Coração em 1951. Em 1952, volta a residir em Recife. Deste ano a 1956, dedicou-se à advocacia, sem abandonar, porém, a atividade teatral. São desta época O Castigo da Soberba (1953), O Rico Avarento (1954) e o Auto da Compadecida (1955), peça que o projetou em todo o país e que seria considerada, em 1962, por Sábato Magaldi “o texto mais popular do moderno teatro brasileiro”.

Em 1956, abandonou a advocacia para tornar-se professor de Estética na Universidade Federal de Pernambuco. No ano seguinte foi encenada a sua peça O Casamento Suspeitoso, em São Paulo, pela Cia. Sérgio Cardoso, e O Santo e a Porca; em 1958, foi encenada a sua peça O Homem da Vaca e o Poder da Fortuna; em 1959, A Pena e a Lei, premiada dez anos depois no Festival Latino-Americano de Teatro.

Em 1959, em companhia de Hermilo Borba Filho, fundou o Teatro Popular do Nordeste, que montou em seguida a Farsa da Boa Preguiça (1960) e A Caseira e a Catarina (1962). No início dos anos 60, interrompeu sua bem-sucedida carreira de dramaturgo para dedicar-se às aulas de Estética na UFPE. Ali, em 1976, defende a tese de livre-docência A Onça Castanha e a Ilha Brasil: Uma Reflexão sobre a Cultura Brasileira. Aposenta-se como professor em 1994.

Membro fundador do Conselho Federal de Cultura (1967); nomeado, pelo Reitor Murilo Guimarães, diretor do Departamento de Extensão Cultural da UFPE (1969). Ligado diretamente à cultura, iniciou em 1970, em Recife, o “Movimento Armorial”, interessado no desenvolvimento e no conhecimento das formas de expressão populares tradicionais. Convocou nomes expressivos da música para procurarem uma música erudita nordestina que viesse juntar-se ao movimento, lançado em Recife, em 18 de outubro de 1970, com o concerto “Três Séculos de Música Nordestina – do Barroco ao Armorial” e com uma exposição de gravura, pintura e escultura. Secretário de Cultura do Estado de Pernambuco, no Governo Miguel Arraes (1994-1998).

Entre 1958-79, dedicou-se também à prosa de ficção, publicando o Romance d’A Pedra do Reino e o Príncipe do Sangue do Vai-e-Volta (1971) e História d’O Rei Degolado nas Caatingas do Sertão / Ao Sol da Onça Caetana (1976), classificados por ele de “romance armorial-popular brasileiro”.

Ariano Suassuna construiu em São José do Belmonte, onde ocorre a cavalgada inspirada no Romance d’A Pedra do Reino, um santuário ao ar livre, constituído de 16 esculturas de pedra, com 3,50 m de altura cada, dispostas em círculo, representando o sagrado e o profano. As três primeiras são imagens de Jesus Cristo, Nossa Senhora e São José, o padroeiro do município.

Membro da Academia Paraibana de Letras e Doutor Honoris Causa da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2000).

Em 2004, com o apoio da ABL, a Trinca Filmes produziu um documentário intitulado O Sertão: Mundo de Ariano Suassuna, dirigido por Douglas Machado e que foi exibido na Sala José de Alencar.
Ariano Suassuna, durante evento pró-eqüidade de gênero e diversidade, em Brasília, 2007.

Em 2002, Ariano Suassuna foi tema de enredo no carnaval carioca na escola de samba Império Serrano; em 2008, foi novamente tema de enredo, desta vez da escola de samba Mancha Verde no carnaval paulista. Em 2013 sua mais famosa obra, o Auto da Compadecida será o tema da escola de samba Pérola Negra em São Paulo.

Em 2006, foi concedido título de doutor honoris causa pela Universidade Federal do Ceará, mas que veio a ser entregue apenas em 10 de junho de 2010, às vésperas de completar 83 anos. "Podia até parecer que não queria receber a honraria, mas era problemas de agenda", afirmou Ariano, referindo-se ao tempo entre a concessão e o recebimento do título.2
Ariano Suassuna é um torcedor fanático do Sport Club do Recife.3
Estudos

Em 1942, ainda adolescente, Ariano Suassuna muda-se para cidade do Recife, no vizinho estado de Pernambuco, onde passou a residir definitivamente. Estudou o antigo ensino ginasial no renomado Colégio Americano Batista, e o antigo colegial (ensino médio), no tradicionalíssimo Ginásio Pernambucano e, posteriormente, no Colégio Oswaldo Cruz. Posteriormente, Ariano Suassuna concluiu seu estudo superior em Direito (1950), na célebre Faculdade de Direito do Recife, e em Filosofia (1964).

De formação calvinista e posteriormente agnóstico, converteu-se ao catolicismo, o que viria a marcar definitivamente a sua obra.4
Ariano Suassuna estreou seus dons literários precocemente no dia 7 de outubro de 1945, quando o seu poema "Noturno" foi publicado em destaque no Jornal do Commercio do Recife.
Advocacia e teatro

Na Faculdade de Direito do Recife, conheceu Hermilo Borba Filho, com quem fundou o Teatro do Estudante de Pernambuco. Em 1947, escreveu sua primeira peça, Uma mulher vestida de Sol. Em 1948, sua peça Cantam as harpas de Sião (ou O desertor de Princesa) foi montada pelo Teatro do Estudante de Pernambuco. Seguiram-se Auto de João da Cruz, de 1950, que recebeu o Prêmio Martins Pena, o aclamado Auto da Compadecida, de 1955, O Santo e a Porca - O Casamento Suspeitoso, de 1957, A Pena e a Lei, de 1959, A Farsa da Boa Preguiça, de 1960, e A Caseira e a Catarina, de 1961.

Entre 1951 e 1952, volta a Sousa, para curar-se de uma doença pulmonar. Lá escreveu e montou Torturas de um coração. Em seguida, retorna a Recife, onde, até 1956, dedica-se à advocacia e ao teatro.

Em 1955, Auto da Compadecida o projetou em todo o país. Em 1962, o crítico teatral Sábato Magaldi diria que a peça é "o texto mais popular do moderno teatro brasileiro". Sua obra mais conhecida, já foi montada exaustivamente por grupos de todo o país, além de ter sido adaptada para a televisão e para o cinema.

Em 1956, afasta-se da advocacia e se torna professor de Estética da Universidade Federal de Pernambuco, onde se aposentaria em 1994. Em 1976, defende sua tese de livre-docência, intitulada "A Onça castanha e a Ilha Brasil: uma reflexão sobre a cultura brasileira".

Ariano acredita que: "Você pode escrever sem erros ortográficos, mas ainda escrevendo com uma linguagem coloquial."

Fonte: blogdomagno
Postado por Sérgio Ramos/Repórter e Blogueiro 22/07/2014


Doutor Ivan Alves é Promovido, e Atuará na Capital Pernambucana

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
07:56

(Foto: Divulgação)
O juiz Ivan Alves de Barros, que atua hoje na 1ª Vara da Comarca de Surubim e que foi afastado da função pela Corte Especial do Tribunal de Justiça, a pedido da OAB, acabou sendo promovido e assume em breve a 8ª Vara Criminal do Recife. Informações: blogdomagno.com.br

Relembre o ocorrido neste caso:

OAB-PE OBTÉM NO TJPE, AFASTAMENTO DO JUIZ DA 1ª VARA DA COMARCA DE SURUBIM

Por 9 votos a 4, a Corte Especial do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco (TJPE), presidido pelo desembargador Frederico Neves, decidiu na noite da segunda-feira, dia 14, afastar da 1ª Vara da Comarca de Surubim, o juiz de direito Ivan Alves de Barros. A deliberação da maioria absoluta dos magistrados – que seguiram o voto do relator, o desembargador Eduardo Paurá -, atende demanda da advocacia pernambucana, em especial de Surubim e região.

Há muito que a OAB-PE e a Subseccional da Ordem no município, tem relatado a forma desrespeitosa e até degradante como o magistrado trata não apenas os advogados, mas também membros do Ministério Público e jurisdicionados. A decisão da corte do TJPE prevê o afastamento do juiz – que já reponde por três outros processos – enquanto perdurar a tramitação do procedimento administrativo disciplinar (PAD), ou seja, até que o Tribunal conclua as investigações sobre os fatos denunciados pela OAB-PE.

Realizada na plenária do 1º andar do prédio sede do TJPE, no Recife, a sessão da Corte Especial foi acompanhada por grandes nomes da Ordem. O presidente Pedro Henrique esteve acompanhado da sua diretoria: a vice-presidente Adriana Rocha Coutinho; o secretário geral Silvio Pessoa de Carvalho Júnior; o secretário adjunto Fernando Ribeiro Lins e o diretor tesoureiro Bruno Baptista. Do conselho federal da entidade, Leonardo Accioly, que também preside a Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas, Henrique Mariano, ex-presidente da Seccional; Pelópidas Neto e Erik Sial. Presidente da CAAPE, Ronnie Preuss Duarte também participou da sessão.

O Conselho Seccional da OAB-PE também prestou seu apoio a causa. Estiveram presentes Antônio Tide, Carlúcia Lapenda, Felipe Guerra, Fernando Araújo, Frederico Duarte, Maurício Bezerra, Nair Andrade e Saulo Amazonas. Das Subseccionais, estiveram os presidentes de Surubim, Belo Jardim, Limoeiro, Olinda e Santa Cruz do Capibaribe. Também presente a vice-presidente de Jaboatão.

“Com esta decisão, o Tribunal restaura e preserva a dignidade da magistratura em Surubim. Saio daqui orgulhoso de nosso judiciário”, destacou o presidente da OAB-PE, Pedro Henrique Reynaldo Alves, ao agradecer pelo resultado. Ele, inclusive, fez a sustentação oral, expondo detalhes das arbitrariedades cometidas pelo juiz de direito Ivan Alves de Barros, em Surubim, dentre elas a perseguição a advogados, através de decisões desfavoráveis, e a intimidação mediante violência e uso de arma de fogo.

“Os magistrados bem sabem da função educativa e de cidadania que estes juízes representam no interior do Estado”, afirmou Pedro Henrique durante sua sustentação. “Em cidades mais distantes como Surubim, o juiz tem papel que extrapola a função judicante. Seu exemplo pessoal é inspirador para a paz social da comunidade”, afirmou. “Um poder que vai além da Lei e, quando bem exercido, um grande contributo do judiciário para a evolução da cidadania”, destacou.

“Desde 2007, os advogados que militam na Comarca de Surubim, vêm apresentando à Comissão de Defesa, Assistência e Prerrogativas da OAB-PE, inúmeras queixas em face da conduta do magistrado em questão, com um aumento significativo desses reclamos a partir de 2010. Isso tinha que acabar”, destacou o presidente Pedro Henrique.

Procurador Geral do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Aguinaldo Fenelon esteve na audiência. “Só acredita quem vai até lá ver o que acontece”, destacou. “Tivemos dificuldades em nomear promotores para a cidade de Surubim porque ninguém quis ir para lá. Estas exceções devem ser combatidas para que não se tornem regra”. Sobre os acessos e desmandos do juiz, Fenelon concluiu: “O que está no papel ainda é pouco”.

Ao anunciar o resultado dos votos, o presidente do TJPE, ressaltou ter sido eleito para lutar pelos interesses do cidadão. “Tenho dever com a instituição que presido”, disse o desembargador Frederico Neves. Informações OAB PE

Opinião deste blog www.sramos.net: agora sim, a região vai reconhecer o valor deste magistrado para a região, pois temos uma cultura erronia de só valorizarmos ás coisas e ás pessoas, depois que as perdemos. Esperamos que por lá, a sociedade saiba valorizar o empenho e a dedicação do profissional Ivan Alves, e não se deixem levar por interesses pessoais e ou “políticos”. Fica aqui o registro de parabéns deste blog ao magistrado Ivan Alves de Barros pela promoção

Por Sérgio Ramos/Repórter e Blogueiro – 22/07/2014


domingo, 20 de julho de 2014

Projeto Rondon Chegam Hoje à Terra do Calcário!

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
07:28

Está pré - visto para aportar neste domingo (20) em Vertente do Lério, terra do calcário, uma equipe do projeto Rondon, onde permaneceram por uma semana, desenvolvendo atividades variadas com servidores públicos e a população em geral do município.

Segundo ás informações; Na manhã da segunda feira (21), os mesmos realizaram uma visita a feira livre da cidade, e a tarde terão uma reunião com o secretariado do governo municipal, onde será passado com mais detalhes ás atividades que serão realizadas por eles durante toda a semana que ficaram neste município.

Pelo que formos informados, haverá palestras e oficinas ministradas em diversas áreas de atuação, dando assim a possibilidade dos participantes, sejam eles servidores do município e ou o público em geral de ampliar os seus conhecimentos.

Isto é fruto de uma parceria entre o governo municipal na pessoa do gestor Daniel Almeida e ás secretarias do município, e o Ministério da Defesa e ás universidades (UCS) Universidade de Caxias do Sul e (UEPG) Universidade Estadual de Pronta Grossa.

Eles trabalharam com o povo de Vertente do Lério nas seguintes áreas:

Cultura, Direitos Humanos e Justiça, Educação, Saúde, Comunicação, Meio Ambiente, Tecnologia e Produção, além de Trabalho, visando capacitar produtores locais, com especial atenção a pequenos agricultores e pecuaristas;

Incentivar o cooperativismo, associativismo e empreendedorismo para a geração de renda e o desenvolvimento econômico sustentável, entre outras atividades.

Representantes do projeto  estarão nessa segunda feira (21) ás 12h participando do programa Plantão de Notícias da Rádio Integração FM, onde passaram mais informações do que vem a ser o projeto Rondon,  e quais ás atividades a serem desenvolvidas na terra do calcário.

Por Sérgio Ramos/Repórter e Blogueiro – 20/07/2014

Está Chegando a Hora! Dia de Aventura em Vertente do Lério, com á 2ª Trilha do Calcário.

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
05:46

Os amantes dos esportes radicais se preparam, para a realização da 2ª trilha do calcário no município. O evento acontece no domingo dia 27 de Julho, com concentração e largada ás 10h ao lado da Igreja de Nossa Senhora das Victórias com um café da manhã oferecido aos participantes.

Durante o dia todo, eles estarão embreados pelos matos e pelos caminhos onde está demarcado o percurso da trilha, retornando a sede do município por volta das 17h30min, e logo em seguida haverá um show de encerramento com a banda forró do BODE até ás 22h.

Os interessados em participar deste momento de aventura na terra do calcário, devem entrar contato com Heverton Dias,  pelo fone: 081/ 8118- 8608 para maiores esclarecimentos.

Este evento que acontece pela segunda vez na cidade, conta com o apoio do governo municipal e de alguns empreendedores local e da região.

A organização esperar uma participação superior a do ano passado, e contam também com a colaboração da população em todos os sentidos, visto que no ano anterior, chegaram ao cumulo do absurdo, mudarem ás placas indicativas na rota da trilha, e em alguns pontos apagaram onde estava demarcado com cal. 

Acreditamos que este ano tudo saíra bem.

Por Sérgio Ramos/Repórter e Blogueiro – 20/07/2014

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Surubim: juiz acusado de ameaçar advogados é suspenso

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
13:35

(Foto: Reprodução)
Um juiz foi afastado pela Corte Especial do Tribunal de Justiça de Pernambuco após ser acusado de desrespeito e ameaça a advogados, membros do Ministério Público e jurisdicionados. A medida foi decidida por 9 votos a 4, nesta segunda-feira (14/7), em decorrência da abertura de processo administrativo disciplinar contra o juiz Ivan Alves Barros, da 1ª Vara de Surubim. A decisão foi publicada na edição desta terça do Diário da Justiça Eletrônico. A apuração deve durar seis meses.


Segundo a seccional pernambucana da Ordem dos Advogados do Brasil, o magistrado responde a outros três processos. Em memorial enviado ao tribunal, a entidade aponta uma série de "condutas abusivas" supostamente cometidas por Alves Barros. De acordo com o documento, o juiz teria dito: "Se colocassem todos os advogados de Surubim no liquidificador e batesse não teria um só copo de suco de merda".

ADORAÇÃO POR ARMAS DE FOGO

Ainda de acordo com o documento, o juiz teria usado uma arma para intimidar, "exibindo-a em audiência, colocando-a acima mesa, e, até mesmo, apontando-a para advogados e partes". A OAB-PE acrescenta que Alves Barros tem uma "adoração" por armas de fogo.


O presidente da OAB-PE, Pedro Henrique Reynaldo Alves, que fez a sustentação oral em nome da entidade, afirmou que, desde 2007, os advogados que atuam na cidade se queixam do juiz. "Com esta decisão, o Tribunal restaura e preserva a dignidade da magistratura em Surubim", disse.


Aguinaldo Fenelon, procurador-geral do Ministério Público de Pernambuco, também comentou o caso. "Só acredita quem vai até lá ver o que acontece. Tivemos dificuldades em nomear promotores para a cidade de Surubim porque ninguém quis ir para lá. Estas exceções devem ser combatidas para que não se tornem regra".

De acordo com a decisão, o juiz alegou cerceamento de defesa e ausência de justa causa para o início do processo. Suas razões foram rejeitadas por unanimidade pelo colegiado. "Tenho dever com a instituição que presido", disse o presidente do TJ-PE, desembargador Frederico Neves, ao anunciar o resultado. Contatada pela reportagem, a assessoria de imprensa do TJ-PE afirmou que Alves Barros não foi encontrado para comentar o caso. Com informações da Assessoria de Imprensa da OAB-PE.

  
Fonte: Do Congresso em Foco/ maiscasinhas.blogspot.com.br
Postado por Sérgio Ramos/Repórter e Blogueiro – 16/07/2014

Fica, Doutor Ivan! Simpatizantes do juiz afastado pelo TJPE criam abaixo-assinado na internet exigindo sua permanência na Comarca de Surubim

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
13:22

(Foto Reprodução)
Uma mobilização acaba de ser desencadeada na internetexigindo ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) a permanência, na Comarca de Surubim, do juiz Ivan Alves de Barros, que foi afastado das suas funções pela Corte Especial do Tribunal de Justiça de Pernambuco após ser acusado de desrespeito e ameaça a advogados, membros do Ministério Público e jurisdicionados.

A medida foi decidida por 9 votos a 4, na última segunda-feira (14), em decorrência da abertura de processo administrativo disciplinar contra ele da 1ª Vara de Surubim. Confira, abaixo, o texto do abaixo-assinado, criado por simpatizantes do magistrado, que está disponibilizado no site Petição Pública:

"Para: EXMO. SR. PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA

Enquanto vemos notícias de juízes corruptos, preguiçosos e omissos, o Juiz da cidade de Surubim, desde que chegou, trabalhou de forma intensa, resgatando a imagem de um poder desgastado. A Lei passou a ser aplicada igualmente a ricos e pobres, o que desgostou aqueles que se acostumaram a só levar vantagens.

Pôs a cara à tapa denunciando os problemas da cidade como o trânsito caótico, a falta desegurança e saúde pública e, segundo informações, ele foi afastado pela sua própria segurança, mas quando foram feitas as denuncias por ele de corrupção nas polícias, omissão do Ministério Público e OAB, sendo, por isso mesmo, ameaçado de morte, não foi oferecido nenhum tipo de segurança ao mesmo.

Assim fica difícil! Como a Justiça vai combater a violência e a injustiça se os mesmos não tem segurança. A Polícia prende e o Juiz dá a sua sentença, mas quem dá a seguranças as esses que arriscam as suas próprias vidas para impor a lei? Ele afirmou que pessoas morriam no hospital local por falta de médicos e remédios, que o tráfico de drogas crescia sob proteção de policiais, que a corrupção na Prefeitura existia, sem que nada fosse feito, falando de suposta amizade dos promotores com tais pessoas.

Depois das denúncias dele, foram mudados o Comandante da PM e o Delegado de Polícia, sendo apreendidos 25 kg de cocaína numa oportunidade e 15 kg em outra, estourado o maior desmanche de carros a 100 metros da Delegacia e, finalmente, o então prefeito foi. Como consequência, ele foi ameaçado de morte pelo PCC, dono da droga, sem que nada fosse feito a seu favor.

Como incomodou muita gente, começaram as retaliações, invenções, culminando com o seu afastamento da função judicante. Algumas pessoas que foram contidas por ele vibram, enquanto a população ordeira se sente abandonada. Vamos assinar e exigir que essa injustiça seja revertida para que o mal não triunfe. Veja vídeo com entrevista dele:



Que continue sempre assim, Surubim mais seguro. Queremos Dr. Ivan atuando novamente nas suas funções e assim combater o sistema!"

Clique aqui e acesse a página da petição!

Fonte: maiscasinhas.blogspot.com.br
Postado por Sérgio Ramos/Repórter e Blogueiro – 16/07/2014

Surubim é Sede da Reunião Para discutir elaboração de Plano Intermunicipal de Resíduos Sólidos

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
12:51


Uma reunião realizada nesta segunda-feira (14), no Centro Cultural Dr. José Nivaldo, debateu a elaboração do Plano Intermunicipal de Resíduos Sólidos.O documento é responsabilidade dos municípios e será utilizado na gestão integrada dos resíduos sólidos gerados em cada cidade. Com esse plano, as prefeituras terão acesso a recursos financeiros do governo federal e investimento no setor.
A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) incentiva a formação de associações intermunicipais que possibilitem o compartilhamento das tarefas de planejamento, regulação, fiscalização e prestação de serviços de acordo com tecnologias adequadas à realidade regional.
No caso de Surubim, o plano está sendo construído com outros nove municípios: Casinhas, Cumaru, Frei Miguelinho, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria do Cambucá, Taquaritinga do Norte, Toritama, Vertentes e Vertente do Lério.
“O objetivo desse encontro é integrar a participação da sociedade civil através de Organizações Não-Governamentais (ONG’s) e o poder público, representadas pelas prefeituras”, explica Eunice Aquino, coordenadora de mobilização social da Fecope (Federação dos Círculos Operários de Pernambuco). A empresa foi contratada pelo Governo do Estado para elaboração do plano em 60 municípios.
Na reunião, foram criados um Comitê Diretor e um Grupo de Sustentabilidade. “É com esses dois conjuntos que os prefeitos vão compor o diagnóstico de cada cidade para no final do ano apresentarmos o Plano Intermunicipal de Resíduos Sólidos”, completa.
Ainda segundo a coordenadora, a próxima etapa para a preparação do plano, será a realização de oficinas de capacitação, que devem acontecer em agosto.
O encontro contou com a participação de técnicos dos municípios, além dos prefeitos de Surubim, Túlio Vieira e de Vertentes, Allan Kardec. Também estiveram presentes o vereador Josafá Vasconcelos, secretários municipais e a representante da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco, Adriana Dorneles.
Fim dos lixões
Pela Lei 12.305, de 2010, o Brasil não deverá mais ter lixões, que serão substituídos pelos aterros sanitários. Além disso, os resíduos recicláveis não poderão ser enviados para os aterros sanitários e os municípios que desrespeitarem a norma podem ser multados.
“Já fomos ao lixão, tiramos fotos, ouvimos as pessoas e vamos procurar aplicar as determinações da Política Nacional de Resíduos Sólidos da melhor maneira possível”, afirma o secretário municipal de Transportes, Saneamento e Urbanismo.
De acordo com o Ministério do Meio Ambiente (MMA), existem quase 3 mil lixões no país para serem fechados. Apenas 27% das cidades têm aterros sanitários e somente 14% dos municípios brasileiros fazem coleta seletiva do lixo.
Fonte: surubim.pe.gov.br
Postado por Sérgio Ramos/Repórter e Blogueiro – 16/07/2014

terça-feira, 15 de julho de 2014

OAB-PE obtém no TJPE afastamento do juiz Ivan Alves de Surubim

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
04:19

Por 9 votos a 4, a Corte Especial do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco (TJPE), presidido pelo desembargador Frederico Neves, decidiu na noite da segunda-feira, dia 14, afastar da 1ª Vara da Comarca de Surubim, o juiz de direito Ivan Alves de Barros. A deliberação da maioria absoluta dos magistrados - que seguiram o voto do relator, o desembargador Eduardo Paurá -, atende demanda da advocacia pernambucana, em especial de Surubim e região.

Há muito que a OAB-PE e a Subseccional da Ordem no município, tem relatado a forma desrespeitosa e até degradante como o magistrado trata não apenas os advogados, mas também membros do Ministério Público e jurisdicionados. A decisão da corte do TJPE prevê o afastamento do juiz - que já reponde por três outros processos - enquanto perdurar a tramitação do procedimento administrativo disciplinar (PAD), ou seja, até que o Tribunal conclua as investigações sobre os fatos denunciados pela OAB-PE.

Realizada na plenária do 1º andar do prédio sede do TJPE, no Recife, a sessão da Corte Especial foi acompanhada por toda a diretoria da OAB-PE, conselheiros federais e estaduais, dirigentes da Subseccional OAB de Surubim, além de um grande número de advogados que atuam em todo Estado.

“Com esta decisão, o Tribunal restaura e preserva a dignidade da magistratura em Surubim. Saio daqui orgulhoso de nosso judiciário”, destacou o presidente da OAB-PE, Pedro Henrique Reynaldo Alves, ao agradecer pelo resultado. Ele, inclusive, fez a sustentação oral, expondo detalhes das arbitrariedades cometidas pelo juiz de direito Ivan Alves de Barros, em Surubim, dentre elas a perseguição a advogados, através de decisões desfavoráveis, e a intimidação mediante violência e uso de arma de fogo.

“Desde 2007, os advogados que militam na Comarca de Surubim, vêm apresentando à Comissão de Defesa, Assistência e Prerrogativas da OAB-PE, inúmeras queixas em face da conduta do magistrado em questão, com um aumento significativo desses reclamos a partir de 2010. Isso tinha que acabar”, destacou o presidente Pedro Henrique.

Ao anunciar o resultado dos votos, o presidente do TJPE, ressaltou ter sido eleito para lutar pelos interesses do cidadão. “Tenho dever com a instituição que presido”, disse o desembargador Frederico Neves.

OBS: este blog irá ao encontro do Dr. Ivan Alves de Barros, afim de que o mesmo possa falar a respeito deste afastamento, se assim ele desejar. Agora fica a pergunta, será que esta decisão foi acertada?

Fonte: blogdomagno.com.br
Postado por Sérgio Ramos/Repórter e Blogueiro 15/07/2014

E-mail: felizsramosdecarvalho@yahoo.com.br -

sábado, 12 de julho de 2014

Ponte do Distrito do Tambor e Liberada Para o Trafego de Veículos

Postado por: Dc Sergio Ramos  
Marcador:
08:51

( Antes/Arquivo: Sérgio Ramos)
Na manhã deste sábado (12), um sonho de muito tempo dos moradores do distrito do Tambor em Vertente do Lério, tornou – se realidade, com a construção da ponte da localidade.

Durante anos ás pessoas da região, quando em período chuvosos ficavam ilhados sem poder passar de um lado para outro, pois a passagem molhado existente no local ficava totalmente coberta pelas águas, impossibilitando a passagem de pessoas e até mesmo de veículos do Tambor e região com destino a Surubim e vice - versa.

 Parece um Sonho; Mais é Realidade !
(Foto: Estela Gomes) Hoje !

E os gestores que passaram pelo poder na terra do calcário, nunca fizeram nada para minimizar a situação da população.

Porém o gestor atual do município Daniel Almeida, foi em busca de parceria com o governo do estado de Pernambuco, e assim hoje faz com que os cidadãos da região, se sintam dignos e valorizados por uma gestão voltada e empenhada em melhorar a qualidade de vida de um povo.

Não houve inauguração devido a legislação eleitoral que não permiti presenças de pessoas candidatas a cargos eletivos em tais eventos, e assim ás pessoas que ao seu lado trabalharam para realizar um sonho antigo do povo em realidade, então o prefeito Almeida resolveu ao lado de sua equipe liberar a ponte para a população melhorando significativamente a vida de todos que por ali passam diariamente.

Segundo o prefeito, depois será visto uma data para comorar junto ao povo está obra tão grandiosa para a localidade e para o município no contexto geral.

Esta data ficará guardada para sempre na memória daquele povo, que já viviam desacreditados de tantas promessas que foram feitas e nunca realizadas, por quem só sabe fazer promessas, mais hoje isso acabou e uma realidade, graças ao empenho e a vontade de fazer de um gestor de nome Daniel Almeida, que busca com toda sua equipe propiciar o melhor para os munícipes da terra do calcário.

Foto: Estela Gomes
Por Sérgio Ramos/Repórter e Blogueiro – 12/07/2014


Seguidores

Visualizações

FAÇA SUA DENUNCIA

FAÇA SUA DENUNCIA
Promotoria de Justiça – 3624-1956 Conselho Tutelar Surubim -3634-4656 S D S de Surubim – 3634-2710 Delegacia de Surubim – 3624-1974 Delegacia da Mulher – 3624-1983
back to top